terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

É devagar, é devagar, devagarinho...


Um comentário:

Felipe disse...

Ainda bem que não está atravessando uma rua...